O que é RFID

RFID ou "Radio Frequency Identification" é uma tecnologia que permite a identificação de itens através de etiquetas eletrônicas dotadas de microchip e antena, com tamanhos variados e bastante reduzidos.

Essa etiqueta contendo um microchip e antena é colocada sobre um objeto de diversas maneiras, seja dentro dele, integrado a sua forma ou ainda por meio de adesivos ou "disfarces". A etiqueta possui uma identificação única e exclusiva e que pode ser reconhecida por antenas de pequeno a médio alcance e com a facilidade de não precisar de qualquer tipo de alimentação externa de energia. Ao aproximá-la de uma antena, a mesma envia um sinal informando a um leitor RFID que ela esta ali.

Imagem 1

Código Eletrônico de Produto

O Código Eletrônico de Produto (EPC) é um conjunto de informações padrão. Ao contrário dos códigos de barras usados para distinguir um produto de outro o EPC pode identificar um produto específico ou um conjunto deles dentro de uma caixa por exemplo.

Nos próximos anos o EPC juntamente com RFID será tão comum quanto o código de barras é hoje, aliás, é considerado o "código de barras da próxima geração".

Imagem 1

Etiqueta Eletrônica

As empresas estão usando e desenvolvendo uma grande variedade de aplicações utilizando tecnologia RFID. Algumas delas utilizam etiquetas ativas, ou seja, que precisam de baterias para funcionar; outras aplicações utilizam etiquetas (TAGs) passivas e são ativadas por leitores fixos ou móveis e, portanto, não precisam de fonte de energia própria. Esse é o caso da ControlPlus, utilizamos TAGs passivas.

O RFID usa sinais de frequência de rádio para se comunicar e identificar as TAGs e a ControlPlus está preparada com a melhor delas para infinitas possibilidades. Isso inclui leitores, antenas, sistemas integrados, etc.

Quais informações uma etiqueta de RFID armazena?

O RFID usa sinais de frequência de rádio para se comunicar e identificar as TAGs e a ControlPlus está preparada com a melhor delas para infinitas possibilidades. Isso inclui leitores, antenas, sistemas integrados, etc.

Como um CPF, o ID da etiqueta é apenas um número, mas todos sabemos o que esse número representa e quais informações ele pode nos entregar, e estão contidas em um banco de dados gerenciado por um sistema e o mais interessante é que o RFID e suas etiquetas nos permitem ir muito mais além, como por exemplo rastrear um item sem necessidade de GPS, coisa que um número de CPF ou o código de barras não faz, pois são apenas números impressos e o melhor é que não precisam estar no campo visual, podem ser lidas até mesmo dentro de caixas.

Outro exemplo interessante é que, etiquetados com RFID, os produtos podem ser lidos em conjunto, ou seja, uma caixa contendo 100 unidades é facilmente localizada e identificada se há produtos faltando.

Quais os benefícios para as empresas?

Do simples controle automático de estoques ao rastreamento de pessoas e insumos/produtos, o RFID pode ajudar qualquer tipo de negócio em seus controles.

Hospitais podem controlar a administração de medicamentos para os pacientes, evitando riscos de vida, ou ainda a esterilização de instrumentos para obter rastreabilidade de sua higienização.

Fábricas podem economizar fortunas tendo inventários em tempo real e integrados ao seu ERP e sistemas de BI.

Lojas de roupas podem otimizar o relacionamento com seus clientes quando eles retornam vestindo um item previamente comprado lá, fornecendo todas as informações sobre a última compra desse cliente de forma automática, auxiliando a equipe de vendas, enfim as possibilidades são infinitas.

Além de permitir um controle de acesso restritivo para pessoas e veículos, podemos automatizar decisões como abrir e fechar portas ou catracas, acender ou apagar luzes, frenar automaticamente, enfim qualquer ação que seja necessária a partir de leitura de uma determinada TAG.

contato

Envie-nos um e-mail ou peça um orçamento:

Enviar